Dia 10

Dia 10: Itambé do Mato Dentro – Senhora do Carmo – Ipoema

Por Rafael José Rorato
Adicionado ao site em 27/11/2015
Modificado pela última vez em 04/01/2016 às 19:53

O café da manhã foi excelente! Monto o sanduiche extra para a viagem e embrulho-o em guardanapos. Muitas frutas no café.

Pego minhas tralhas e sigo o rumo para Ipoema. Primeiro trecho com subidas fortes. Esse foi o segundo dia caminhando sem curativos. Mas os pés ainda doem. Ao chegar em Senhora do Carmo, resolvo ficar até às 13h numa lanchonete, tomando café e aliviando os pés. Tive como companhia um pequeno cão dos donos do estabelecimento. Ele curtia o sol. Meus pés descalços também. Resolvo, nesse local, fazer um curativo e enfaixar os pés. A dor aumentou.

Chego em Ipoema com dor. Barulho de som. Logo pensei: comício político! Ao entrar no distrito vejo crianças a voltar da aula e dirijo-me sentido a igreja. Pego informações no Bar do Tio Wilson. Um bêbado chato aporrinhou e respondo-o rispidamente. Começo a prosear com um indivíduo que indicou a Recanto Dona Euzébia por R$35. Recebo uma carona de um cidadão entre o bar e a pousada. Meus pés agradecem.

Hospedo-me e pago a diária antecipada. Quarto simples, chuveiro muito quente. Saio a pé pelo distrito com o filho da dona da pousada – o Silvano – que não estava num bom astral. Ouvíamos um pouco da “missa evangélica” e o convidei para entrar na igreja. Conversamos muito. Missa de 3h de duração. Comi feijão tropeiro e canjica na praça.

Fui dormir e resolvi ficar mais um dia.

10o dia

Caminho dos Diamantes
10/setembro/2014
32,94 km percorridos
Localidades
24-8-ipoema Clique para ampliar

Downloads
KML GPX

Todos os trechos

Acesse abaixo todos os trechos que já percorri na Estrada Real.

Caminho dos Diamantes
Caminho Velho


Trechos relacionados

  • Dia 11: Ipoema +

    Reservei o dia de hoje para tirar fotos do distrito e realizar a visita ao Museu do Tropeiro de Ipoema. No museu eu conheci a Marli, o Luis Francis (índio), o Sérgio Mourão (jornalista/fotógrafo), a Kelly e a Conceição. [...]

    Leia mais
  • Dia 12: Ipoema – Bom Jesus do Amparo +

    Arrumei as minhas tralhas e fui à padaria da rodoviária – da família da Dona Euzebia – tomar o meu café da manhã. Me programei para comer e logo ir ao Museu do Tropeiro conversar com a Tayane. Gente [...]

    Leia mais
  • Dia 15: Santa Bárbara – Santuário do Caraça +

    *** De automóvel e pernoite no próprio santuário *** Acordo cedinho e tomo café. Às 7h dou início a um city tour na parte histórica de Santa Bárbara: Igreja do Rosário, Igreja de Santo Antônio, Hotel Quadrado, Prefeitura, Museu Afonso [...]

    Leia mais
  • Dia 16: Santa Bárbara – Catas Altas +

    Volto à rotina de trabalho. Arrumo as tralhas e vou tomar um café da manhã bem reforçado e com lanche para a viagem. Faço o check-out na recepção, pego o carro e retorno à Santa Bárbara. Devolvo o carro e [...]

    Leia mais

Minhas refeições

  • Restaurante Casa Sabor Real

Meu pernoite

  • Pousada Lava Pés
  • Recanto Dona Euzébia
  • Pousada Tropeiro Real
  • Pousada Quadrado / Estrada do Rei

Coisas interessantes que vi

  • Museu do Tropeiro de Ipoema

Selfies e pessoas que encontrei

  • Anônimos pelo caminho

Galeria no Panoramio


Fotografias